Quais documentos são necessários para adquirir um armazenamento de diesel?

09/11/2017
Esta é uma dúvida muito comum entre quem deseja economizar no abastecimento de seus equipamentos, visando uma solução ideal com maior agilidade, economia e confiabilidade no armazenamento de seu combustível.    <br><br>No entanto é necessário ao adquirir um módulo de combustível ou tanque para abastecimento algumas exigências de documentações que são de obrigação de quem vai fornecer este tipo de  produto.<br><br>As regras para se ter um tanque estacionário ou módulo de abastecimento que se enquadre no SAAC (sistema de armazenamento aéreo de combustíveis) está ligada diretamente à quantidade de combustível que será armazenada na unidade que irá operar com o combustível para abastecimento próprio. <br><br>A princípio, já deve-se saber que para todos, é necessário que se tenha no mínimo, licença ambiental do estado, alvará de licença do corpo de bombeiros, bem como outras licenças que possam ser solicitadas dependendo do grau de risco como tipo de operação, capacidade de tanque(s) na unidade ou outras situações que podem se enquadrar para o uso do combustível, onde cada estado possui uma normativa para uso e manuseio do produto.  <br><br>Como para sua garantia, segurança, e aprovação nos órgãos ambientais, o tanque para combustível ou módulo de abastecimento, se faz necessário a utilização de certificação perante o Inmetro para atestar a qualidade do tanque, sendo as empresas que fabricam este equipamento, devem possuir homologação no Inmetro para fabricação de tanques aéreos para combustíveis conforme NBR15461.<br><br>A garantia do Inmetro nestes produtos, faz valer o mínimo de segurança e qualidade tanto para o cliente e o meio ambiente.<br>Também nesta garantia de qualidade, que se verifica a espessura da chapas, o tipo correto de solda, ensaios de produção e qualificação, tamanho da bacia de contenção que deve comportar 110% da capacidade do tanque de combustível caso haja algum acidente ou vazamento, obedecendo todas as normas para fabricação de tanques de combustível, conforme NBR 15461.<br><br>Segundo informado pelo departamento de engenharia da Passafaro que tem atuado como pioneiros nestes equipamentos no Brasil, sendo a primeira empresa do Brasil a se homologar perante o Inmetro para este escopo, relata que tem visto a falta de conhecimento de fabricantes e clientes que desconhecem a portaria do Inmetro, e depois de adquiridos os tanques ou módulos de abastecimento, quando entram em contato com os órgãos ambientais para se regularizarem, se deparam com a normatização que é exigida como certificação do Inmetro e tem seus pedidos de licenciamento paralisados ou bloqueados pelo órgão ambiental assim  somando prejuízos bem como retrabalho.<br><br>Muitas das vezes, o cliente precisa fazer todo o processo de devolução do produto e compra correta do equipamento, por empresa legalmente autorizada para esta fabricação perante o Inmetro.<br><br>Módulo de Combustível com Capacidade de <span style="font-size: 18px;">1.000 até 14.900</span> litros<b><ol><ol><li>Licença ambiental do estado simplificada</li><li>Alvará de Liberação dos Bombeiros</li></ol></ol>Mó</b>dulo de Combustível com Capacidade de <span style="font-size:18px;">15.000 até 20.900</span> litros<b><ol><ol><li>Licença ambiental do estado simplificada</li><li>Alvará de Liberação dos Bombeiros</li><li>Certificação Inmetro<br><br></li></ol></ol></b>Módulo de Combustível com Capacidade de <span style="font-size:18px;">21.000 até 60.000 (ou mais)</span> litros <b><br><ol><ol><li>Licença ambiental do estado simplificada</li><li>Alvará de Liberação dos Bombeiros</li><li>Certificação Inmetro</li><li>Projeto Liberado e Aprovado pela ANP ( Agência Nacional de Petróleo e Gás )<br></li></ol></ol></b> Esta é uma dúvida muito comum entre quem deseja economizar no abastecimento de seus equipamentos, visando uma solução ideal com maior agilidade, economia e confiabilidade no armazenamento de seu combustível.   

No entanto é necessário ao adquirir um módulo de combustível ou tanque para abastecimento algumas exigências de documentações que são de obrigação de quem vai fornecer este tipo de  produto.

As regras para se ter um tanque estacionário ou módulo de abastecimento que se enquadre no SAAC (sistema de armazenamento aéreo de combustíveis) está ligada diretamente à quantidade de combustível que será armazenada na unidade que irá operar com o combustível para abastecimento próprio.

A princípio, já deve-se saber que para todos, é necessário que se tenha no mínimo, licença ambiental do estado, alvará de licença do corpo de bombeiros, bem como outras licenças que possam ser solicitadas dependendo do grau de risco como tipo de operação, capacidade de tanque(s) na unidade ou outras situações que podem se enquadrar para o uso do combustível, onde cada estado possui uma normativa para uso e manuseio do produto. 

Como para sua garantia, segurança, e aprovação nos órgãos ambientais, o tanque para combustível ou módulo de abastecimento, se faz necessário a utilização de certificação perante o Inmetro para atestar a qualidade do tanque, sendo as empresas que fabricam este equipamento, devem possuir homologação no Inmetro para fabricação de tanques aéreos para combustíveis conforme NBR15461.

A garantia do Inmetro nestes produtos, faz valer o mínimo de segurança e qualidade tanto para o cliente e o meio ambiente.
Também nesta garantia de qualidade, que se verifica a espessura da chapas, o tipo correto de solda, ensaios de produção e qualificação, tamanho da bacia de contenção que deve comportar 110% da capacidade do tanque de combustível caso haja algum acidente ou vazamento, obedecendo todas as normas para fabricação de tanques de combustível, conforme NBR 15461.

Segundo informado pelo departamento de engenharia da Passafaro que tem atuado como pioneiros nestes equipamentos no Brasil, sendo a primeira empresa do Brasil a se homologar perante o Inmetro para este escopo, relata que tem visto a falta de conhecimento de fabricantes e clientes que desconhecem a portaria do Inmetro, e depois de adquiridos os tanques ou módulos de abastecimento, quando entram em contato com os órgãos ambientais para se regularizarem, se deparam com a normatização que é exigida como certificação do Inmetro e tem seus pedidos de licenciamento paralisados ou bloqueados pelo órgão ambiental assim  somando prejuízos bem como retrabalho.

Muitas das vezes, o cliente precisa fazer todo o processo de devolução do produto e compra correta do equipamento, por empresa legalmente autorizada para esta fabricação perante o Inmetro.

Módulo de Combustível com Capacidade de 1.000 até 14.900 litros
    1. Licença ambiental do estado simplificada
    2. Alvará de Liberação dos Bombeiros
dulo de Combustível com Capacidade de 15.000 até 20.900 litros
    1. Licença ambiental do estado simplificada
    2. Alvará de Liberação dos Bombeiros
    3. Certificação Inmetro

Módulo de Combustível com Capacidade de 21.000 até 60.000 (ou mais) litros
    1. Licença ambiental do estado simplificada
    2. Alvará de Liberação dos Bombeiros
    3. Certificação Inmetro
    4. Projeto Liberado e Aprovado pela ANP ( Agência Nacional de Petróleo e Gás )
  • Documentos Necessários para Adquirir um Armazenamento de Diesel
Orçamento
*
*
*
*
*
*
*
código captcha
*
 
Ligue Grátis
0800.0521004
Localização
Garantia e Qualidade
Passafaro - Referência em Qualidade e Bons Serviços.
Redes Sociais
Fone: (44) 3268.1004
orcamento@passafaro.com.br
Rua Aluízio Nunes Costa, 525 - Parque Industrial - Maringá - PR - Brasil
© Todos os Direitos Reservados à Passafaro